Sinimbu terá Educação Empreendedora no Segundo Semestre


Publicado em 18/07/2019 Gabinete do Prefeito Secretaria de Educação Cultura e Turismo Fonte: Aline Haag

Assunto será levado para as salas de aula através de uma parceria com o Sebrae.


Na segunda-feira, dia 15 de julho, realizou-se uma reunião de apresentação da proposta de implantação da Educação Empreendedora nas escolas municipais de Sinimbu, numa parceria com o Sebrae. O objetivo é disseminar a cultura empreendedora, através da aplicação da metodologia Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP), do Sebrae, de 1º a 9º Ano do Ensino Fundamental, congregando as estratégias de desenvolvimento local e educação do município.

A proposta foi apresentada pelo representante da Regional dos Vales do Taquari e Rio Pardo do Sebrae, Alexandre Schmitt. Ele explicou o programa para o Secretário de Administração, Finanças e Planejamento, Carlos Backes Filho, Secretária Municipal de Educação, Cultura e Turismo, Mariane Werner Panke, e as coordenadoras pedagógicas Ani Vogt Staub, Anita Brandenburg e Daiane Rech.

Após a apresentação ao município, uma reunião de sensibilização foi realizada ontem, dia 17, pelos gestores da Secretaria Municipal de Educação com os diretores e assessores pedagógicos das Emefs – Escolas Municipais de Ensino Fundamental – Nossa Senhora da Glória, Nossa Senhora de Fátima, Guararapes e Carlos Boettcher Filho. Durante essa reunião, ficou definida a adesão do município ao programa sendo que os diretores das escolas irão conversar com os seus professores, sensibilizando-os para aderirem a proposta de capacitação que os tornará aptos a aplicarem a metodologia em sala de aula.

A formação de 24 horas, dos educadores responsáveis pela disseminação do conteúdo com as turmas, deve ocorrer no início do mês de agosto. Logo em seguida, será iniciado somente nas turmas dos professores que aderirem à proposta da Educação Empreendedora. No final do ano, após a conclusão do programa, uma feira será realizada para a apresentação dos projetos desenvolvidos pelas turmas.

 

SOBRE O PROGRAMA

Ensinar empreendedorismo significa formar pessoas com senso de liderança, criação de soluções de problemas de forma criativa, experiência de trabalho em equipe, e a capacidade de se reinventar, adaptar-se ou se transformar em qualquer cenário. Desta maneira, as escolas são o ambiente ideal para desenvolver esta habilidade de empreender, uma vez que acompanha o crescimento do indivíduo. Espera-se que ao ensinar o empreendedorismo nas escolas haja maior engajamento dos estudantes no ambiente escolar, uma vez que aprenderão a desenvolver capacidades que talvez, antes não tenham sido exploradas, despertando paixão no que fazem. 

O assunto será abordado em sala de aula de acordo com a turma envolvida, sendo que o programa se divide em nove temáticas. Veja abaixo qual temática será trabalhada em cada ano/série:

- 1º ano: O mundo das ervas aromáticas;

- 2º ano: Temperos naturais;

- 3º ano: Oficina de brinquedos ecológicos;

- 4º ano: Locadora de produtos;

- 5º ano: Sabores de cores;

- 6º ano: Ecopapelaria;

- 7º ano: Artesanato sustentável;

- 8º ano: Empreendedorismo social;

- 9º ano: Novas ideias, grandes negócios.

PrefeituraSinimbu
Reunião com representante do Sebrae apresentou o programa. (Aline Haag)
PrefeituraSinimbu
Reunião de sensibilização com os diretores e assessores pedagógicos das escolas também e confirmou a adesão ao programa. (Aline Haag)